Formação

Ações formativas da Bienal

Além da programação artística, estão previstos cursos, oficinas, palestras e residências artísticas, todos gratuitos, como a que será ministrada por João Fiadeiro, que vem pela primeira vez ao Ceará, e trabalhará com seu método “Composição em Tempo-Real”. O artista atua em Portugal e ministra cursos e conferências em universidades e escolas nacionais e internacionais. Também estarão presentes pela primeira vez na programação formativa: Denise Stutz (RJ), Jorge Garcia (SP/J.Gar.Cia Dança Contemporânea), Inês Bogéa e Denise Stasi (SP/São Paulo Companhia de Dança), Marcela Levi e Flávia Meireles (RJ). Outras novidades são: a residência artística com os filandeses Minna Tuovinen e Martin Heslop, em Sobral, e a ação de interiorização com o bailarino Flávio Sampaio(CE).

Democratizar o acesso à dança cênica, em particular à dança contemporânea, desenvolvendo projetos de colaboração artística; fomentando a produção de conhecimento na área da dança e contribuir para a formação em dança são os objetivos das ações formativas da Bienal Internacional de Dança do Ceará. Para isso, nos anos da Bienal são programados cursos, oficinas, residências artíticas, workshops, palestras, seminários que envolvam os profissionais do Ceará em encontros com artistas e pesquisadores nacionais e internacionais.

etude

Étude rèvolucionaire (Isadora Duncan) - Ballet de Lorraine (França) - Foto: Laurent Philippe

item4

afficheafb2a1

forumbanner1a1

 

VII Bienal Internacional de Dança do Ceará / 2009 © Todos os direitos reservados